30% dos candidatos de Bihar têm antecedentes criminais.

O ministro chefe de Bihar, Nitish Kumar acusa que a Aliança Democrática Nacional (NDA), uma coalização de partidos de centro-direita ofereceu vagas para muitos candidatos com antecedentes criminais para a primeira rodada de pesquisas eleitorais, previstas para o próximo dia 12. A estimativa é que 30% dos candidatos de Bihar têm antecedentes criminais. 174 dos 583, se enquadrem em casos de sequestro, assassinato, agressão contra mulheres e outros.

Três candidatos de partidos como JD, BSP, BJP e JAP-L tem registrado contra eles casos de tentativa de assassinato. Contudo 37 candidatos tem casos de declarados de tentativa de assassinato registrados. Um único candidato, Ramswarup Yadav, tem cinco casos de tentativa de assassinato registrados contra ele!

Também, o Estado é declarado como com os políticos com maiores reservas de dinheiro. O patrimônio de alguns dos candidatos chegam a superar o patrimônio do todos os outros candidatos. Dos candidatos, três consideram-se analfabetos, 57% não possuem ensino médio completo enquanto 41% declararam possuir ensino superior. De todos esses candidatos, somente 53 são mulheres.